NG Elétrica

Motores de corrente alternada (parte 2/2)

motor-8653__340Continuando a nossa pequena série de 2 artigos sobre motores de corrente alternada, hoje falaremos sobre os motores síncronos e assíncronos.

Motores Síncronos

A principal diferença entre esses e os motores monofásicos e trifásicos é que o fato de o giro acontecer em velocidade constante, independentemente da variação de cargas. Tal velocidade é conhecida como velocidade síncrona e isso (giro constante) acontece porque o campo magnético depende da corrente alternada.

Uma desvantagem a ser observada nesse motor é, por não possuir partida própria, o fato de o mesmo necessitar de um dispositivo capaz de fazer o rotor girar até atingir a velocidade síncrona. Por causa disso, motores síncronos precisam de motores auxiliares que os ajudam a atingir a velocidade síncrona.

Motores assíncronos

Recebem esse nome porque, diferentemente do motor síncrono, giram em velocidade ligeiramente menor que velocidade do campo girante do estator. Essa diferença de velocidade é conhecida como escorregamento do motor.

Até o próximo!

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *