• André Habib

A arquitetura das redes elétricas


Características principais de algumas estruturas e sua comparação

– Radial dupla: utilizadas para processos contínuos de indústrias de petroquímica e siderurgia. Como vantagem ela apresenta boa continuidade de alimentação e manutenção possível nos barramentos do painel principal. Como inconvenientes, ela possui uma solução custosa e um funcionamento parcial do barramento, no caso de manutenção. – Produção local: é utilizada para processos industriais com autoprodução de energia, por exemplo, siderurgia e indústria de papel. Como vantagem, apresenta uma boa continuidade de alimentação e custo de energia (energia recuperada do processo). Como inconveniente, sua solução é custosa. – Substituição: utilizada nos setores industriais, de serviços (por exemplo, hospitais) e comerciais, oferece como vantagem uma boa continuidade de alimentação dos alimentadores prioritários. Como inconveniente, ela requer funções de automação industrial. – Malha aberta: ela é usada em redes muito estendidas, em expansões futuras importantes e cargas concentradas em áreas de um local diferentes. Apresenta como vantagem o baixo custo em relação à malha fechada e mais simplicidade de proteção. Porém, como inconvenientes, ela tem interrupção da alimentação do segmento por falha na reconfiguração da malha e também requer funções de automação. Conhecendo os diferentes tipos de arquiteturas de redes elétricas fica mais fácil decidir pela melhor para usar em sua empresa. Fonte: Imagem

0 visualização