• André Habib

Dicas de aterramento nas indústrias


Mas você sabe o que é “terra” e qual é a diferença entre ela, neutro e massa? E quanto às normas, você sabe o que deve seguir? Entenda aqui!

Aterramento elétrico

O aterramento possui três funções principais, onde a primeira é a de proteger o usuário do equipamento contra descargas atmosféricas. A segunda é de “descarregar” as cargas estáticas que são acumuladas nas carcaças de cada máquina ou equipamentos até a terra. E a terceira é de facilitar o funcionamento de dispositivos de proteção por meio da corrente desviada para terra.

Por meio de um dicionário não técnico podemos definir o conceito de aterramento, pois ele explica o termo terra como sendo um ponto de contato com a terra, um ponto arbitrário com potencial zero de tensão e um retorno comum no circuito elétrico.

Como fazer aterramento de equipamentos elétricos sensíveis

Como os sistemas de aterramento precisam executar diversas funções, por exemplo, a de proporcionar mais segurança pessoal e também para o equipamento, segue uma lista das funções básicas nos sistemas de aterramento, resumidamente, em:

  1. Proporcionar segurança pessoal aos funcionários;

  2. Estabilizar a tensão durante transitórios no sistema elétrico que são provocados por meio de faltas para a terra;

  3. Conceder uma referência estável de tensão aos circuitos e sinais;

  4. Conceder um caminho de baixa impedância de retorno na terra, proporcionando assim, o desligamento automático dos dispositivos de proteção de maneira segura e rápida, quando projetado devidamente;

  5. Fornecer o controle nas tensões desenvolvidas no solo quando o curto fase-terra volta pelo terra para uma fonte próxima ou distante;

  6. Escoar cargas estáticas que ficam em suportes, estruturas e carcaças de todos os equipamentos;

  7. Conceder um sistema para que os equipamentos eletrônicos operem satisfatoriamente tanto em alta quanto em baixas frequências;

  8. Minimizar os efeitos de EMI (Emissão Eletromagnética, uma energia que causa resposta indesejável aos equipamentos, podendo ser gerada nas escovas de motores, ignições automotivas, chaves, aquecedores, entre outros).

É importante lembrar que, ao aterrar o circuito para a terra, você estará garantindo segurança pessoal e melhorando o funcionamento do circuito.

0 visualização