12 Dicas "valiosas" sobre fios e cabos (parte 1/2)


  1. Projetos são parte fundamental das instalações elétricas, por isso, a bitola dos condutores e cabos, assim como o número de condutores instalados, devem obedecer as especificações do mesmo;

  2.  Somente após a conclusão de revestimentos das paredes, tetos e pisos, impermeabilização ou colocação de telhas da cobertura, instalação de portas, janelas e vedações, respectiva rede de eletrodutos, caixas de derivação, ligação e ou passagem, é que a passagem dos cabos deve acontecer.

  3. A instalação (embutida, aparente ou enterrada no solo) de condutores e cabos isolados não deve acontecer sem que haja a proteção através dos eletrodutos;

  4. Emendas de condutores não devem acontecer dentro dos eletrodutos, apenas nas caixas de derivação, ligação ou passagem;

  5. As emendas e derivações devem ser feitas de modo a assegurar a resistência mecânica e contato elétrico perfeito e permanente. Além disso, tais emendas devem ter características equivalentes às dos condutores;

  6. Cabos e condutores não  devem ser instalados “nus” dentro de qualquer que seja o tipo de eletroduto, inclusive o de aterramento.

No próximo artigos falaremos sobre mais seis dicas. Até lá!

3 visualizações