• André Habib

Tipos de transformadores (parte 1/2)


Transformador de corrente (TC)

Sua principal finalidade é medir ou detectar a corrente que circula em um cabo ou barra de alimentação, a fim de transforma-la numa corrente de valor menor que por sua vez é passada para um instrumento de medição ou circuito eletrônico. TCs são muito usados para diminuir correntes elétricas de redes que alimentam dispositivos eletrônicos incapazes de suportar grandes níveis de correntes.

Transformadores de potencial

Embora por causa desse nome, a impressão que temos e de mudança de potência, o que ocorre na verdade é a mudança dos valores de tensão que entram na bobina primária que por sua vez é transmitido para a espira secundária, induzindo assim uma tensão nessa ultima. Esse processo ocorre caso não haja um circuito fechado ligado a espira secundária.

Transformador de distribuição

Provavelmente esse seja o mais “popular” dentre todos, uma vez que são usados pelas concessionárias responsáveis em distribuir energia elétrica para nós, consumidores finais.

Transformadores de força

Além de também serem usados pelas concessionárias de distribuição de energia, são usados também por usinas, subestações de distribuição de energia elétrica, subestações de grandes indústrias, onde participam de aplicações especiais como: fornos de indução e a arco e retificadores.

Transformador elevador e abaixador de tensão

A tensão que sairá desses tipos de transformadores é diretamente proporcional ao número de espiras de cada bobina. Nos transformadores elevadores de tensão, o número de espiras da segunda bobina é maior que o da primeira e nos abaixadores acontece o inverso. No próximo artigo conheceremos mais alguns transformadores por tipo, material do núcleo e número de fases.

0 visualização